O "Comunicações ou Não" é uma experiência a solo na blogosfera da área da comunicação. Como "tudo é comunicação", apesar de ser um local para reflexão sobre o mercado da comunicação, poderão existir incursões por outras áreas.

Monday, July 19, 2010

Associando

Depois deste post, já destacado pelo Rui e pelo Rodrigo mas bem comentado pelo Renato, acho que a "provocação" deverá ter follow on.

Concordo com o Renato (que não tive o prazer de conhecer pessoalmente devido a problemas com o trânsito lisboeta) quando diz que é necessário mais acção e menos associações. A dispersão de associações, à qual se juntaria a tal que foi falada no PR After Work, não dá coesão ao sector. Faz com que falemos a várias vozes, por vezes discordantes, sem que se tenha uma Voz suficientemente forte para promover o mercado e dar-lhe a credibilidade com que todos deveríamos viver.

Mas é preciso, e isso parece-me óbvio, mais acção. O PR After Work, essa excelente iniciativa do PiaR, é sintoma disso. Quem lá vai percebe o quanto os profissionais de consultoria de comunicação sentiam falta de um "espaço/tempo" onde se podem encontrar, conhecer, falar, discutir, em suma, conviver com outros profissionais, longe das polémicas do dia-a-dia do mercado.

Como diz o Renato, este espaço informal já fez mais pelos profissionais em dois meses que muitas asssociações em vários anos. Não estamos a falar de encontros para receber prémios e falar mal de quem recebe e porque recebe. Estamos a falar de encontros onde, sem as "amarras" da concorrência (mais ou menos sã), se discute o sector, se ri das polémicas que marcam o sector, se desenvolve o sentido de pertença a um sector que se quer essencial para o desenvolvimento económico.

É que, sejamos sinceros, por muito que nos possam divertir as polémicas do sector, normalmente assumidas pelos "donos" das empresas, há mais vida para além dessas polémicas. Mais que não seja, há a vida dos consultores que trabalham no sector. E que querem ver a sua profissão dignificada.

Uma Associação dos profissionais de Consultoria de Comunicação não viria resolver esse gap. Como diz o Renato, facilmente poderia ser mais um "quintal" a defender os produtos plantados no mesmo. Não é isso que se pretende. Deseja-se, isso sim, que o sector possa afirmar-se, defendendo quem trabalha no mesmo, dignificando uma profissão que, por muito que muitos não o queiram, é cada vez mais essencial no mundo empresarial.

Não quero com isto atacar as associações existentes. Fazem falta e já fizeram muito pela dignificação do sector. Mas quero apelar a mais acção. A mais iniciativas, visíveis, que marquem o sector pela positiva. O mercado exige-o. Os profissionais do sector querem-no.

Não faz sentido mais um "quintal". Mas também já chega de ver a luta pela defesa da sua "marquise" que vamos vendo por este mercado fora.

1 comment:

Renato Póvoas said...

Telmo,
assino por baixo!

Abraço,
RP